Tony Iommi diz não se opor à ideia de mais shows com o Black Sabbath

Numa entrevista ao programa de rádio Trunk Nation, o lendário guitarrista Tony Iommi falou, entre outros assuntos, sobre a turnê de despedida do Black Sabbath e sobre a possibilidade de dar novos shows com o grupo.

“Foi fantástico poder fazer uma última turnê. Para ser honesto, eu me senti mal por esta última turnê, porque era, basicamente, a minha escolha, a minha culpa, porque fazer turnês, naquele ponto, já não era bom fisicamente. Chegar às quatro horas da manhã depois de dar um concerto, era muito tarde. É como se eu tivesse a viver a vida que eu costumava viver quando tinha 20 anos.

Embora estivéssemos viajando nas melhores condições, com o nosso próprio avião e a ficando em hotéis luxuosos, as coisas estavam difíceis, além disso, o meu médico me disse para eu me acalmar um pouco, o que foi a coisa certa a ser feita, naquele momento”, comentou Iommi sobre a última turnê do Black Sabbath.

Já sobre a possibilidade de dar mais alguns concertos com a banda no futuro, Iommi disse: “Eu acho que seria bom se conseguissemos dar alguns concertos. O difícil com o Sabbath é que tudo se torna grande, não é possível fazer de forma ocasional, por conta da equipe e toda a produção. Com isso, teríamos que fazer uma turnê durante um ano ou um ano e meio. Eu não me oponho a fazer alguma coisa, eu só faria isso de uma forma diferente”.

\m/ Long Live Rock! \m/

Tags , , , , .Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Deixe uma resposta