Mia Wallace diz ter sido “forçada” a deixar a banda Abbath

A baixista Mia Wallace, da Triumph Of Death e Niryth, anunciou, em sua página oficial do Facebbok, a sua saída da Abbath, o projeto solo autointitulado do ex-vocalista da Immortal.

“É com tristeza que fui forçada a me separar da Abbath. Foi um momento desafiador, mas emocionante, e estou orgulhosa da minha contribuição ao álbum “Outsrider”, aos shows, aos vídeos de Harvest Pyre e Hecate e ao material de promoção da banda em geral.

Para mim, fazer parte da Abbath foi um sonho realizado, e posso dizer com a mão no coração que fui leal à equipe e ao próprio Abbath. Todos podem ver isso no show da Argentina onde eu estava no palco até o amargo fim. Eu nem sempre concordei com outras pessoas no campo da Abbath e dei minha opinião honestamente, sem raiva ou intenção negativa. Infelizmente, nem todos podem aceitar isso.

Estou desapontada por nenhum dos meus ex-colegas ter me contatado nesse processo, exceto pelo telefonema de cinco minutos do agente da Abbath, no qual me foi dito que eu não seria mais necessária. Disseram-me para não entrar em contato com ninguém da banda. A explicação para isso não teve substância e apenas fez nascer mais perguntas e me deixou mais confusa. Até então, eu estava me preparando para a turnê europeia, como me disseram para fazer. Eu tive que cancelar outros planos e tirar uma folga do trabalho para a turnê, para a qual passei muito tempo me preparando.

Estou realmente agradecida por todo o apoio dos fãs, da mídia, de todos na Season of Mist e dos colaboradores da Abbath! Muito obrigado! Significa muito para mim neste momento difícil. Desejo também apenas o melhor para Abbath, a quem sempre admirei como artista e agradeço a ele pela oportunidade que ele me deu. Agora vou me concentrar no meu próximo passo. Vários projetos muito interessantes estão em andamento. Prometo que você ainda não ouviu o meu último suspiro.”

No início deste mês Abbath divulgou uma mensagem em vídeo antes da turnê europeia da banda, que está programada para começar no final do mês. No pequeno clipe, gravado em 05 de janeiro, o vocalista revela que está quase dois meses sóbrio após o cancelamento de vários shows da jornada sul-americana então programada para a primavera de 2019.

No final de Novembro, Abbath divulgou uma declaração dizendo que estava lutando contra o vício e prometendo se comprometer com um programa de reabilitação que o ajudaria a “ficar limpo de uma vez por todas.”

A decisão de entrar na reabilitação ocorreu pouco depois que a Abbath tocou um desastroso show (quando apenas duas músicas foram tocadas) em Buenos Aires, Argentina, resultando em alguns fãs irados solicitando um reembolso.

\m/ Long Live Rock! \m/

Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Deixe uma resposta