Led Zeppelin vence novamente o caso de direitos autorais de ‘Stairway to Heaven’

O Led Zeppelin venceu o mais recente caso de direitos autorais referente ao seu lendário sucesso de 1971, “Stairway to Heaven”, de acordo com o Hollywood Reporter.

O caso, iniciado em 2014, alegou inicialmente que o guitarrista do Zeppelin, Jimmy Page, roubou a melodia da guitarra de “Stairway to Heaven” da música de Taurus, de 1968, do Spirit. Michael Skidmore, o curador do falecido compositor Randy Wolfe, processou a banda por suposta violação de direitos autorais

O Led Zeppelin venceu o caso em 2016, mas em junho de 2019, os juízes do Nono Circuito solicitaram que o julgamento fosse revisto por um painel maior. A apelação argumentou que o júri da decisão anterior não foi devidamente instruído sobre como determinar a violação de direitos autorais na música, nem precisou ouvir as gravações das músicas.

As circunstâncias em torno do caso começaram a preocupar artistas – como Tool e Korn – que, por sua vez, manifestaram seu apoio em defesa do Led Zeppelin em agosto de 2019. O governo Trump chegou a apresentar um pedido de um amigo do tribunal em apoio aos gigantes britânicos no mesmo mês.

O caso foi finalmente apresentado novamente a um painel de 11 juízes em São Francisco no outono passado, e a decisão de hoje confirma mais uma vez que o Led Zeppelin não roubou a melodia de “Taurus”. Provavelmente, esse caso agora abrirá o precedente para uma infinidade de casos de violação de direitos autorais na indústria da música.

\m/ Long Live Rock! \m/

Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Deixe uma resposta