Cristina Scabbia, do Lacuna Coil, sente-se à prova de balas depois de perder os pais em um período muito curto de tempo

A vocalista do Lacuna Coil, Cristina Scabbia, revelou em uma nova entrevista à NME que perder seus pais entre o lançamento dos álbuns “Delirium” de 2016 e “Black Anima” deste ano ensinou-lhe “muito” sobre si mesma. “Eles literalmente eram o mundo para mim”, disse ela. “Nós conversávamos todos os dias. Várias vezes ao dia. Foi muito chocante para mim perdê-los.”

Ela continuou: “Acontece. Eles viveram uma vida longa e feliz e eu tive a sorte de tê-los por tanto tempo. Mas percebi que sou muito mais forte do que pensava. Durante anos , eu pensei tentando me preparar para Eu estava tentando visualizar como eu lidaria. Eu costumava me dizer como seria. Pensei em me trancar em casa, fechar meus amigos e ficar completamente deprimida – e então aprendi que você continue. Você tem que carregar a tocha. Sinto-me à prova de balas agora. Perdi a coisa mais importante do mundo para mim e ainda estou aqui.”

Scabbia também falou sobre a arte e o tema “Black Anima”, inspirado em parte pelo livro “A física dos anjos: explorando o reino onde a ciência e o espírito se encontram”, de Rupert Sheldrake e Matthew Fox. Questionada sobre em que lado da cerca ela se encontra – ciência da equipe ou teologia da equipe, Cristina disse: “Ciência. 100%. Na verdade, vamos chamar de 80%. Eu ainda entendo a parte espiritual e espero que exista algo em nós que dure Eu quero acreditar que meus entes queridos ainda estão ao meu redor na forma de energia, mas eu não tenho nenhuma prova. Isso me impede de acreditar cegamente. Obviamente, a Itália é um país muito religioso. Nós temos o Papa. Eu cresci indo à igreja – meus pais eram crentes – eu nunca acreditei. Eu costumava ficar confusa por que eu tinha que ir à igreja toda semana.Eu não entendia por que as pessoas não se comportavam como diziam em Eu sempre pensei que era mais importante ser um bom ser humano, ser um ser humano respeitoso, sem nenhum medo de Deus ligado a ele.”

“Black Anima” foi lançado em 11 de outubro de 2019. Scabbia descreveu anteriormente a direção musical do LP como a “mais pesada e sombria” do que os trabalhos anteriores da banda. “Não acho que o Lacuna Coil tenha sido tão pesado”, disse ela à Rádio HardDrive. “E surpreenderá muita gente, porque experimentamos muitas coisas de maneira diferente – vocal e musicalmente”.

\m/Long Live Rock! \m/

Be Sociable, Share!

Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Deixe uma resposta