AC/DC revela história de Back In Black em memória a Bon Scott

Em comemoração ao aniversário de 40 anos de Back in Black, sétimo álbum da banda australiana AC/DC, a banda revelou uma história do disco em memória e homenagem a Bon Scott, vocalista do grupo entre 1974 e 1980 que faleceu aos 33 anos em decorrência de asfixia causada por envenenamento por álcool.

Para celebrar o álbum, a banda disponibiliza no YouTube uma série inédita chamada The Story Of Back In Black (“A História do Back In Black”, na tradução livre), que mostra detalhes da escrita das músicas do trabalho. No último episódio, os australianos comentaram das dificuldades de compor um tributo ao falecido integrante.

“Lembro que Back in Black foi particularmente difícil porque os meninos diziam: ‘Escuta, queremos essa música em memória de Bon, mas não queremos que seja triste ou obscena, queremos que seja uma coisa boa, música positiva'”, disse Brian Johnson, vocalista que substituiu Bon Scott e ficou no AC/DC até 2016.

Além disso, segundo Johnson, o processo de se fazer a homenagem “foi bem difícil, mas acho que conseguimos [fazê-la] muito bem”. O músico continuou: “[A música] é meio lenta, mas tem um ótimo riff. Foi difícil”.

Além disso, o mais recente capítulo de The Story Of Back In Black também conta com depoimentos do guitarrista Malcolm Youg, que morreu em novembro de 2017 aos 64 anos. “É diferente, completamente diferente de tudo o que havia acontecido antes com o rock”, afirmou. “Era quase funk por natureza, ou alma. É como uma vibe da alma”.

\m/ Long Live Rock! \m/

Tags , , , , , , , , , , .Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Deixe uma resposta